quarta-feira, 6 de abril de 2011

Ponto ao extremo: URANY - part 4

Olá, hoje a metéria é especial...
Resultado de imagem para 404

hoje, pelo contrário de todas as outras parte do "ponto ao Extremo", agora que escreve a matéria sou eu
agora é a 5ª parte né, vou falar do estado do carro, como homens não tem higiene alguma :

•batata chips no assoalho;
•o pacote da batata chips no assoalho
• carpete todo sujo
• etc

Antes de terminar de escrever essa matéria (óbvio que não termina aqui, ainda nem começou direito) vou dizer que eu ajudo o blog CR mais ou menos, falando de algumas novidades de automóveis nos EUA. Eu sou de florianópolis, mas atualmente vivo nos EUA, então fico bem por dentro do que acontece lá e dou as notícias. Logicamente que na hora eu estava doida de topar a vim para num fim de mundo, onde não pensei em pernilongos me mordendo e sol muito quente, além de acampar, mas nessa noite passada dormir no carro mesmo. Mas agora vou ser sincera: eu jujei a madeira do console centra, de uma gota de esmalte que deixei car quando pintava minhas unhas. Pelo o menos eu reclamei, e hoje cedo deu um sol depois de uma forte chuva e eles pararam para tirar as tralhas do carro, e tirar uma crosta de barro seco dos pneus do carro, enquanto isso eu estou no notbook aqui escrevendo essa matéria e ouvindo Lady gaga noi carro, Muito obrigado, esperem que gostem da minha participação a esse quadro!


Logicamente que essa matéria não vai ser só um depoimento feminino, vamos ao que mais interessa. Começamos o dia com pão e leite. o Sol deu as caras e os barros foram secando formando torrões de terra, deizando o solo esquisito. O frigobar foi esvaziando as frutas estava acabando mas isso não mata ninguem que é homem, foi assim que ela( você deve saber quem ) pediu para parar numa fazenda.
   Praticamente fizemos uma feira, pegamos laranja, e um pouco de mangas, além de alfaçe e carne bovina, pagamos a eles mais R$ 100,00. vamos embora. Chegamos a um trecho que o carro seco dos pneus estava soltando pelotas de terra seca, então paramos para tirar a lama seca dos pneus, saiu muita terra dos pneus, e enquanto eu e o eduardo estavamos no sol tirando o barro Dora estava lá dentro apenas de boa, no notebook. Hoje não deu m uito tempo de escrever, então essa matéria temina aqui. Continue acompanhando a CR e saiba o resto!

Um comentário:

comentarios ofensivos serão removidos